Mindset Potencializado, Motivação, Positividade

Fernão Capelo Gaivota

Já tinha ouvido muitos elogios sobre Fernão Capelo Gaivota e tinha muita vontade de lê-lo. Chegou o dia e o livro veio direto de 1979 para as minhas mãos.

Fernão Capelo Gaivota - Empreendedorismo Criativo

 Fernão Capelo Gaivota

A leitura foi rápida. O tema também foi rápido em atingir meu coração também. Você encontra um resumo “teórico” sobre o livro na Wikipedia. Na “prática”, para mim, o livro fala na verdade o tempo todo sobre vocação. A grande diferença é que não somos gaivotas.

Se para as gaivotas, ser uma gaivota que voa porque ama velocidade e acrobacias e não porque quer apenas sobreviver é motivo para serem excluídas do bando, para os humanos, ser alguém que acredita em projetos e sonhos que saem do óbvio, também pode se transformar no mesmo pesadelo (estou aqui para te ajudar nisto).

Seguir o caminho da própria vocação no mundo atual não é fácil, exige coragem. Muitas serão as vozes desanimadoras, muitas serão as vozes que lhe dirão para “voltar para a Terra, sair do mundo da Lua”, “que utopias não enchem pratos de comida”, entre outros argumentos.

Ter coragem para alçar novos voos e ouvir o coração é o que aprendi com Fernão. Perdoar as vozes desanimadoras e ainda voltar para tentar lhes abrir os olhos a esse respeito, é uma lição de amor.

Que possamos voar rumo ao que a gente realmente acredita e não para onde a maioria está indo, apenas porque é mais cômodo e seguro lá.

Nos vemos lá.

Trechos do livro

“Fernão Gaivota descobriu que o tédio, o medo e a ira são as razões por que a vida de uma gaivota é tão curta, e, sem isso a perturbar-lhe o pensamento, viveu de fato uma vida longa e feliz”

“Para cada uma delas o mais importante na vida era olhar em frente e alcançar a perfeição naquilo que mais gostavam de fazer”

“A única resposta que encontro, Fernão, é que você é um daqueles pássaros que se encontram num milhão. (…) Tem alguma ideia de por quantas vidas tivemos de passar até chegarmos a ter a primeira intuição de que há na vida algo mais do que comer, ou lutar, ou ter uma posição importante dentro do bando? Mil vidas, Fernão, dez mil!”

“O truque estava em saber que a sua verdadeira natureza vivia tão perfeita como um número não escrito, em toda parte e ao mesmo tempo, através do espaço e do tempo”

“Se a nossa amizade depende de coisas como o espaço e o tempo, então, quando finalmente ultrapassarmos o espaço e o tempo, teremos destruído a nossa fraternidade! Mas, ultrapassado o espaço, tudo o que nos resta é Aqui. Ultrapassado o tempo, tudo o que nos resta é Agora”

“Quebrem as correntes dos seus pensamentos e conseguirão quebrar as correntes do corpo…”

“Ver (…) o que há de bom em cada uma delas, e ajudá-las a ver isso nelas próprias. Para mim, o amor é isso.”

CompartilheShare on Facebook3Share on Google+0Pin on Pinterest0Tweet about this on Twitter

Escolhi estes outros conteúdos pra você!

Comente com seu Facebook:

Nenhum Comentário

Comente algo

Rodapé - Paty Pegorin

Google+
Paty Cursos Biblioteca Faça Acontecer Contato Gratidão